controle de pombos

Pombos podem trazer doenças para sua casa.

 


Os pombos são aves mansas que têm sua imagem associada à paz, religião e amor, o que leva uma parcela significativa da população a não tratá-la como uma praga fornecendo-lhe abrigo, água e alimentos.

A alimentação dos pombos é preferencialmente de grãos, alimentando-se também de restos de alimentos, lixo, etc.

Os pombos produzem 2 ovos de cada vez, podendo produzir até 6 ninhadas ao longo de 1 ano. Em áreas urbanas, os pombos normalmente não vivem mais do que 5 anos. Porém, em seu meio silvestre de origem, os pombos chegam a viver 15 anos.

Pesquisas recentes nos indicam que aproximadamente 70 doenças podem ser transmitidas pelos pombos. Dentre elas destacamos:


– Salmonelose: é uma doença infecciosa aguda que ataca nosso sistema digestivo e tem como agente etiológico bactérias do gênero salmonella, contidas em alimentos que podem ter sido contaminados por fezes de pombos. – Histoplasmose: é uma micose profunda, causada pelo histoplasma, que ataca o nosso sistema respiratório.

– Criptococose: é uma micose causada pelo criptococus, que ataca o nosso sistema nervoso central, que é transmitida através da inalação de poeira, originária de fezes de pombos.

Algumas medidas que podem ser adotadas no sentido de minimizar os riscos oferecidos pelos pombos são:

– Campanhas educativas no sentido de conscientizar a população em relação aos riscos oferecidos por estas aves e evitar que as pessoas ofereçam alimentos, bem como, para que se tenham cuidados adequados com relação a destinação de restos de alimentos, lixo e também cuidados com relação a áreas que possam ser utilizadas como possíveis abrigos pelas aves;

– Utilização de aparelhos eletrônicos que tem por função emitir ondas que funcionam como repelentes dessas aves, sistema este que depende muito do tipo e qualidade de equipamento para alcançar o objetivo desejado;

– Construção de barreiras físicas para impedir o pouso e/ou abrigo das aves em determinados locais, que consiste basicamente no fechamento, ou colocação de telas em determinadas aberturas, bem como utilização de fios de nylon ou espículas em áreas utilizadas para pouso pelas aves;

– Em algumas situações tem sido utilizado anticoncepcional para o controle populacional, porém esta alternativa só é válida para a população de pombos de uma cidade ou região..

 

PORQUE A STYLUS

Trabalhamos com equipe treinada, Qualidade no trabalho e rapidez na execução. Nós sempre defendemos nosso trabalho com eficacia e no mais alto nível, já que entendemos que as pessoas valorizam seu tempo. Sinônimo de qualidade, segurança e garantia.
Damos garantia, prazo e negociamos preço.

Somos totalmente legalizados:
- SEAMA-Sec.meio ambiente nº 121
- Secretaria Municipal de Saúde nº 813
- Secretaria de Agricultura Estadual nº 003
- Coselho Regional de Engenharia nº 3051RF
- Conselho Regional de Administração nº 0220J

 


Geoconnect - 2019 | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por: Focuweb - Soluções Digital